Três açudes do Cariri estão completamente secos, mostra levantamento

Dezembro está começando com 32 açudes em situação crítica e nove completamente secos na Paraíba, dos que são monitorados pela Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa. Mais da metade (53,5%) dos açudes está em situação crítica ou em observação.

Dos 121 reservatórios monitorados pela Aesa, 32 estão com menos de 5% da sua capacidade total, 33 com menos de 20% e 55 com mais de 20%.

Estão zerados de água, sem uma gota sequer, os açudes Algodão, em Algodão de Jandaíra; Bichinho, em Barra de São Miguel; Bom Jesus, em Carrapateira; Serrote, em Monteiro; Caraibeiras, em Picuí; Santa Luzia, na cidade de mesmo nome; Paraíso, em São Francisco; São José IV, em São José do Sabugi; e, Taperoá II, em Taperoá.

Em situação bem parecida, com menos de um por cento de sua capacidade total, estão os açudes Covão, em Areial; Santa Rosa, em Brejo do Cruz; Jeremias, em Desterro; Gurjão, na cidade de mesmo nome; Emídio, em Montadas; Lagoa do Meio, em Taperoá; Sabonete, em Teixeira; e, Várzea; em Várzea.

Segundo a Aesa, somente o açude Olho D’Água, no município de Mari, está sangrando.

Com Blog do Gordinho

Você pode gostar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *