Um Monteirense profissional do transporte de cargas teve seu veículo tomado durante um assalto nesta terça-feira (04), no município de Juazeiro, estado da Bahia.

De acordo com boletim policial, a vítima foi abordada por um homem em um posto de combustível de Juazeiro, oferecendo uma carga de cebola para o Recife, a vítima aceitou o frete, o homem adentrou no veículo e seguiram em direção ao Vitória Atacadista, passando do Vitória uns 100 metros, um outro homem entrou no veículo e logo depois, com eles dentro do veículo, esse homem puxou uma arma e anunciou o assalto.

A vítima foi abandonada em uma estrada de terra, os criminosos fugiram levando o caminhão Mercedes Benz/1620 de placa JQR-2764, cor azul.

A vítima procurou as autoridades policiais e registrou um boletim de ocorrência.

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu dois diferentes alertas de chuva para a Paraíba, todos com validade até às 11h de quinta-feira (6), em diferentes municípios do Estado. O primeiro deles é um de perigo potencial de chuvas intensas para 167 cidades da Paraíba.

Nessas cidades, podem ocorrer chuvas entre 20 e 30 milímetros por hora, ou até 50 milímetros por dia, além de ventos intensos que variam entre 40 e 60 quilômetros por hora, mas com baixo risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas.

Outro alerta de acumulado de chuvas foi emitido para 69 municípios do estado. Nesses municípios, podem ocorrer chuvas entre 20 a 30 milímetros por hora ou até 50 milímetros por dia. Além disso, há baixo risco de alagamentos e pequenos deslizamentos.

O órgão recomenda que, em caso de rajadas de ventos, as pessoas não devem se abrigar debaixo de árvores e também para não estacionar veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda. Se possível, é indicado não usar aparelhos eletrônicos ligados à tomada.

Caso haja algum problema, o órgão orienta que as pessoas entrem em contato com a Defesa Civil, por meio do número 199, e com o Corpo de Bombeiros, por meio do número 193.

Cidades com alerta de perigo potencial de chuvas intensas

Água Branca

Aguiar

Alagoa Grande

Alagoa Nova

Alcantil

Algodão De Jandaíra

Amparo

Aparecida

Arara

Araruna

Areia

Areia De Baraúnas

Areial

Aroeiras

Assunção

Baraúna

Barra De Santa Rosa

Barra De Santana

Barra De São Miguel

Belém Do Brejo Do Cruz

Bernardino Batista

Boa Ventura

Boa Vista

Bom Jesus

Bom Sucesso

Bonito De Santa Fé

Boqueirão

Brejo Do Cruz

Brejo Dos Santos

Cabaceiras

Cachoeira Dos Índios

Cacimba De Areia

Cacimba De Dentro

Cacimbas

Cajazeiras

Cajazeirinhas

Camalaú

Campina Grande

Caraúbas

Carrapateira

Casserengue

Catingueira

Catolé Do Rocha

Caturité

Conceição

Condado

Congo

Coremas

Coxixola

Cubati

Cuité

Curral Velho

Damião

Desterro

Diamante

Dona Inês

Emas

Esperança

Fagundes

Frei Martinho

Gado Bravo

Gurjão

Ibiara

Igaracy

Imaculada

Ingá

Itaporanga

Itatuba

Jericó

Joca Claudino

Juazeirinho

Junco Do Seridó

Juru

Lagoa

Lagoa Seca

Lastro

Livramento

Malta

Manaíra

Marizópolis

Massaranduba

Matinhas

Mato Grosso

Maturéia

Montadas

Monte Horebe

Monteiro

Mãe D’Água

Nazarezinho

Nova Floresta

Nova Olinda

Nova Palmeira

Olho D’Água

Olivedos

Ouro Velho

Parari

Passagem

Patos

Paulista

Pedra Branca

Pedra Lavrada

Piancó

Picuí

Pocinhos

Pombal

Poço Dantas

Poço De José De Moura

Prata

Princesa Isabel

Puxinanã

Queimadas

Quixabá

Remígio

Riacho De Santo Antônio

Riacho Dos Cavalos

Riachão Do Bacamarte

Salgadinho

Santa Cecília

Santa Cruz

Santa Helena

Santa Inês

Santa Luzia

Santa Teresinha

Santana De Mangueira

Santana Dos Garrotes

Santo André

Serra Branca

Serra Grande

Serra Redonda

Serraria

Soledade

Solânea

Sossêgo

Sousa

Sumé

São Bentinho

São Bento

São Domingos

São Domingos Do Cariri

São Francisco

São José Da Lagoa Tapada

São José De Caiana

São José De Espinharas

São José De Piranhas

São José De Princesa

São José Do Bonfim

São José Do Brejo Do Cruz

São José Do Sabugi

São José Dos Cordeiros

São João Do Cariri

São João Do Rio Do Peixe

São João Do Tigre

São Mamede

São Sebastião De Lagoa De Roça

São Sebastião Do Umbuzeiro

São Vicente Do Seridó

Taperoá

Tavares

Teixeira

Tenório

Triunfo

Uiraúna

Umbuzeiro

Vieirópolis

Vista Serrana

Várzea

Zabelê

Cidades com alerta de perigo de acumulado de chuvas

Alagoa Grande

Alagoinha

Alhandra

Arara

Araruna

Araçagi

Areia

Aroeiras

Bananeiras

Bayeux

Baía Da Traição

Belém

Borborema

Caaporã

Cabedelo

Caiçara

Caldas Brandão

Capim

Conde

Cruz Do Espírito Santo

Cuitegi

Cuité De Mamanguape

Curral De Cima

Dona Inês

Duas Estradas

Guarabira

Gurinhém

Ingá

Itabaiana

Itapororoca

Itatuba

Jacaraú

João Pessoa

Juarez Távora

Juripiranga

Lagoa De Dentro

Logradouro

Lucena

Mamanguape

Marcação

Mari

Mataraca

Mogeiro

Mulungu

Natuba

Pedras De Fogo

Pedro Régis

Pilar

Pilões

Pilõezinhos

Pirpirituba

Pitimbu

Riachão

Riachão Do Bacamarte

Riachão Do Poço

Rio Tinto

Salgado De São Félix

Santa Rita

Sapé

Serra Da Raiz

Serra Redonda

Serraria

Sertãozinho

Sobrado

Solânea

São José Dos Ramos

São Miguel De Taipu

Tacima

Umbuzeiro

Com o início da vacinação contra a Influenza, mais conhecida como a vacina da gripe no último dia 12 de abril, muitas pessoas do grupo prioritário já foram vacinadas, mais a Secretaria de Saúde faz um alerta aos pais de crianças de 6 meses a menores de 06 anos, como também as gestantes e puérperas que ainda não foram vacinados, para se dirigirem a unidade de saúde do seu bairro, para tomar a vacina.

A Secretaria alerta que é preciso vacinar a todos, e que a meta para esta classe ainda está muito baixa, e é preciso que todos colaborem para que a imunização seja concluída. A campanha de vacinação contra a influenza, acontece de acordo com os grupos prioritários em todas as Unidades de Saúde atendendo o público alvo.

Nesta primeira etapa serão vacinadas as crianças de 06 meses a menores de 06 anos, Gestantes, Puérperas e Profissionais de saúde. A Secretaria volta a lembrar aos profissionais de saúde que já tomaram a vacina da covid-19, que devem esperar o prazo de 14 dias para que seja administrada a vacinação da influenza, de acordo com recomendações do Ministério da Saúde.

As  etapas da vacinação seguem o seguinte cronograma para os grupos prioritários:

– Na primeira etapa que acontece do dia 12 /04 ao dia 10/05: Crianças de 6 meses a menores e 06 anos, Gestantes, Puérperas, Povos indígenas e Trabalhadores de saúde.

– Na segunda etapa que acontece do dia 11/05 ao dia 08/06: Idosos com 60 anos ou mais, além dos Professores.

– Na Terceira etapa que acontece do dia 09/06 ao dia 09/07: Pessoas com Comorbidades, Pessoas com deficiência permanente, Caminhoneiros, Trabalhadores de Transporte Coletivo, Trabalhadores Portuários, Forças de Segurança e Salvamento, Forças Armadas, Funcionários do Sistema de Privação de Liberdade, População privada de liberdade e Adolescentes e jovens em medidas socioeducativas.

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) assinou um decreto que antecipa o 13° benefício dos aposentados e pensionistas do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social). Segundo o Ministério da Economia, a medida tem por objetivo injetar R$ 52,7 bilhões na economia do país e favorecendo o processo de recuperação durante a pandemia de Covid-19.

Segundo o decreto, as parcelas serão pagas conforme o calendário em que são creditados os benefícios como aposentadorias, pensões e auxílios-doença.

O pagamento ocorrerá em duas parcelas. A primeira, correspondente a 50% do benefício devido no mês de maio de 2021 e será paga entre 25 de maio a 8 de junho.

A segunda parcela será paga juntamente com os benefícios da competência do mês de junho de 2021 – de 24 de junho a 7 de julho.

Nesta terça feira(04), o Conselho Municipal da Criança e do Adolescentes em parceria com a Secretaria de Assistência Social se reuniu para discutir com conselheiros, representantes dos poderes público e da sociedade civil a implantação das politicas públicas municipais voltadas para as crianças e adolescente.

Na oportunidade o vice prefeito Paulo Júnior teve a honra e missão de presidir o CMDCA.

A reunião foi presidida pela Secretária de Assistência Social Aline Lucena, onde foi eleita vice – presidente Bernadete Alves e para secretária do conselho Karoline Freitas..

O CMDCA – Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente é um órgão paritário que conta com a participação da sociedade civil e do poder executivo municipal.

Ele propõe, delibera e controla as politicas públicas municipais voltadas para as crianças e adolescentes. Também é função do Conselho acompanhar os projetos e programas realizado no município, assegurando que os mesmos estejam em atendimento aos requisitos.

A Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira (5) a Operação Parcela Extra, em Campina Grande, com o cumprimento de dois mandados de busca e apreensão contra fraudes no auxílio emergencial. Dez policiais federais participaram da operação e os mandados foram expedidos pela 6ª Vara Federal de Campina Grande.

De acordo com a Polícia Federal, uma vez que as fraudes ao auxílio emergencial acontecem através de meios eletrônicos, a investigação buscou em base de dados elementos relativos a suspeitos, e posteriormente ferramentas de análise foram empregadas, sendo possível identificar pessoas que fraudaram os sistemas do governo federal.

O nome da operação refere-se à circunstância dos criminosos terem obtido ganhos extras indevidos, a partir do cadastramento irregular junto ao governo federal.

Secretaria de Saúde de Monteiro divulga boletim oficial sobre covid desta terça-feiraNota Informativa

Atualizada em 04-05-2021

A Secretaria Municipal de Saúde de Monteiro informa que nesta Terça-feira, 04, tivemos mais 15 novos casos CONFIRMADOS para COVID-19.

Sendo 06 (seis) casos de 09, 19, 24, 38, 47 e 60 anos de idade, sexo feminino e 09 (nove) casos de 26, 29, 31, dois pacientes de 38 anos, 43, 45, 49 e 67 sexo masculino. Foram orientados a realizar o isolamento domiciliar e estão sendo monitorados pela equipe de Vigilância em Saúde e Unidades Básicas de Saúde do Município.

Foi transferido  01 (uma) paciente 61 anos, sexo feminino, hipertensa, Diabética, para Hospital de Clínicas, em Campina Grande,  acompanhada  pela a equipe do Hospital Regional Santa Filomena,  em Estado Geral Regular.

Totalizamos até esta data 05 (cinco) pacientes internos, sendo, 01 (um) paciente no Hospital de Clínicas, 01 (um)  paciente no Hospital Pedro I, 01 (um) paciente no João XXIII e 01 (um) paciente no Hospital de trauma, todos em Campina Grande, 01 (um) paciente no Hospital da Unimed, em João Pessoa.

Atestamos que nesta data foram registrados mais 22 (vinte e dois) novos casos recuperados, totalizando 2812 casos recuperados da COVID-19.

Reforçamos a importância de toda população seguir as orientações do distanciamento social, o uso de máscaras, a higienização das mãos com álcool 70% e demais medidas apresentadas pela Secretaria de Saúde.

A Secretaria de Saúde do município de Monteiro, segue cronograma de imunização contra covid-19 e dá início nesta quarta-feira, dia 05, a vacinação das pessoas com comorbidades de acordo com calendário elaborado pela Secretaria de Saúde Estadual, obedecendo assim todas as determinações para a administração da vacina.

O município recebeu nesta terça-feira, dia 04, um lote de 950 doses da vacina Oxford, que serão aplicadas nos idosos acima de 60 anos, finalizando essa faixa etária e já dando início às pessoas com comorbidades na faixa etária de 59 anos.

O setor de imunização informa e deixa claro que, para serem vacinadas, as pessoas de 59 anos com comorbidades, precisam ter laudo médico para confirmação da comorbidade e deve também estar dentro das comorbidades elencadas pelo Ministério da Saúde, a exemplo de pessoas com Diabetes mellitus, Pneumopatias crônicas graves, Hipertensão Arterial Resistente, Insuficiência Cardíaca (IC), Cardiopatia hipertensiva, Arritmias cardíacas, Doença renal crônica, entre outras que podem ser conferidas no anexo abaixo.

A vacinação irá beneficiar ainda nesta etapa pessoas com síndrome de Down com idade de 18 a 59 anos, gestantes e puérperas de 18 a 59 anos com comorbidades e deficientes cadastrados no BPC na faixa etária de 59 anos.

A Secretaria lembra ainda que estão vacinando todos os profissionais da saúde da rede pública ou privada assim como os funcionários das funerárias que atuam na preparação dos corpos.  A equipe de imunização alerta aos profissionais de saúde da rede privada que enviem ofício à coordenação de imunização do município localizada no prédio da Vigilância em Saúde com nome, função e telefone para que seja realizado agendamento.

Nesta fase, assim como nas demais, todas as medidas de prevenção à propagação do vírus estão sendo tomadas e todas as pessoas devem estar usando máscara de proteção facial.  A Secretaria de Saúde alerta que mesmo após tomar a vacina o paciente deve permanecer com todas as medidas de prevenção, no que se diz respeito ao uso de máscara, álcool 70% e evitando aglomerações.

Clique e veja a relação das comorbidades.

A Prefeitura de São José dos Cordeiros, por meio da Secretaria de Educação, iniciou nesta terça-feira (04) a entrega de kits de alimentos da merenda escolar para alunos da Rede Municipal.

Segundo a secretária Flávia Dowsley, estão sendo beneficiadas 448 famílias de alunos matriculados nas 11 Escolas Municipais, da zona urbana e rural.

Os kits estão sendo distribuídos em cada escola, em horário agendado pela equipe pedagógica junto aos pais de crianças e adolescentes matriculados. O objetivo é não promover aglomerações. Todos os protocolos sanitários estão sendo adotados.

Os alimentos são adquiridos com recursos do PNAE – Programa Nacional de Alimentação Escolar, os quais podem ser utilizados para essa finalidade, em caráter excepcional, enquanto estivermos com as aulas presenciais suspensas, devido a pandemia de Covid-19.

Na madrugada desta terça-feira(04), criminosos invadiram a Escola Estadual Miguel Santa Cruz, em pleno centro da cidade de Monteiro, NO Cariri da Paraíba, e furtaram vários equipamentos da unidade escolar.

De acordo com informações, os bandidos conseguiram levar 1 filmadora, 3 notebooks, 4 caixas de cadernos e 1 retro projetor.

A direção da escola registrou um boletim de ocorrência nesta manhã na 14° Delegacia Seccional Polícia Civil de Monteiro.

O ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta disse nesta terça-feira (4) ter sido “publicamente confrontado” pelo presidente Jair Bolsonaro durante o enfrentamento inicial da pandemia de coronavírus. Em depoimento à CPI da Pandemia, Mandetta afirmou que o Brasil deveria ter demonstrado “unidade” e “fala única” sobre as medidas de combate à covid-19, como o isolamento social. No entanto, segundo o ex-ministro, o presidente da República contribuiu para que a sociedade recebesse “uma informação dúbia” sobre como lidar com a doença.

— O Ministério da Saúde foi publicamente confrontado, e isso dava uma informação dúbia à sociedade. O objetivo do Ministério da Saúde era dar uma informação, e o presidente dava outra informação. Em tempos de epidemia, você tem que ter a unidade. Tem que ter a fala única. Com esse vírus, o raciocínio não pode ser individual. Esse vírus ataca a sociedade como um todo. Ele ataca tudo — disse.

Mandetta ficou à frente do Ministério da Saúde até o dia 16 de abril de 2020. No dia 28 de março, ele diz ter entregue uma “carta pessoal” a Jair Bolsonaro. No texto, ele “recomenda expressamente que a Presidência da República reveja o procedimento adotado” para evitar “colapso do sistema de saúde e gravíssimas consequências à saúde da população”.

De acordo com o ex-ministro, o presidente Jair Bolsonaro foi diretamente comunicado sobre a escalada da pandemia no Brasil. Antes de deixar a pasta, Mandetta apresentou a Jair Bolsonaro, conforme disse, uma estimativa de que o país poderia chegar a 180 mil mortos no final de 2020. A previsão acabou sendo superada, e o Brasil encerrou o ano passado com quase 195 mil óbitos confirmados.

— Todas as recomendações as fiz com base na ciência, na vida e na proteção. As fiz em público, em todas as minhas manifestações. As fiz nos conselhos de ministros. As fiz diretamente ao presidente e a todos os que tinham de alguma maneira que se manifestar sobre o assunto. Sempre as fiz. Ex-secretários de saúde e parlamentares falavam publicamente que essa doença não ia ter 2 mil mortos. Acho que, naquele momento, o presidente entendeu que aquelas outras previsões poderiam ser mais apropriadas — afirmou.

Embora nunca tenha tido, segundo disse, “uma discussão áspera” com o presidente da República, Luiz Henrique Mandetta reconhece que entre os dois “havia um mal-estar”. Ele afirmou acreditar que Jair Bolsonaro recorria a “outras fontes” e a um “assessoramento paralelo” para buscar informações sobre a pandemia de coronavírus.

— Isso não é nenhuma novidade para ninguém. Havia por parte do presidente um outro olhar, um outra decisão, um outro caminho. Todas as vezes que a gente explicava, o presidente compreendia. Ele falava: ‘Ok, entendi’. Mas, passados dois ou três dias, ele voltava para aquela situação de quem não havia talvez compreendido, acreditado ou apostado naquela via. Era uma situação dúbia. Era muito constrangedor para um ministro da Saúde ficar explicando porque estávamos indo por um caminho se o presidente estava indo por outro — afirmou.

Cloroquina e “falsas versões”

Questionado pelo relator da CPI da Pandemia, senador Renan Calheiros (MDB-AL), o ex-ministro da Saúde criticou o uso da cloroquina como um tratamento preventivo contra a covid-19. Embora o presidente Jair Bolsonaro defenda publicamente o uso da substância pela população, Mandetta lembrou que, no enfrentamento de outras doenças, a droga é utilizada em ambiente hospitalar. O ex-ministro disse ainda desconhecer por que o Laboratório do Exército tenha intensificado a produção dos comprimidos no ano passado.

— A cloroquina é uma droga que, para o uso indiscriminado e sem monitoramento, a margem de segurança é estreita. É um medicamento que tem uma série de reações adversas. A automedicação poderia ser muito, muito perigosa. A cloroquina é já produzida para malária e lúpus pela Fiocruz e já tínhamos suficiente. Não havia necessidade, e tínhamos um estoque muito bom para aquele momento — afirmou.

Mandetta rebateu o que classificou como “falsas versões” sobre a atuação dele no Ministério da Saúde. Segundo uma dessas “cantilenas”, apenas pacientes com “sintomas mais severos” deveriam buscar atendimento hospitalar nos primeiros meses da pandemia.

— Isso não é verdade. Estávamos no mês de janeiro e fevereiro e não havia um caso registrado dentro do país. O que havia naquele momento era pessoas em sensação de insegurança e pânico. As pessoas procuravam hospitais em busca de fazer testes, mas em 99,9% dos casos eram outros vírus. Se houvesse um paciente lá positivo, ele iria contaminar na sala de espera. Tenho visto essa máxima ser repetida e tenho percebido que é mais uma guerra de narrativa — disse.

Mandetta disse que, na gestão dele, o Ministério da Saúde equipou 15 mil leitos de UTI com respiradores e iniciou a negociação para a aquisição de 24 mil testes para a detecção do coronavírus. Ele defendeu a vacina como a única “porta de saída” para a pandemia.

— Nós tínhamos a perfeita convicção. Doença infecciosa a vírus a humanidade enfrenta com vacina desde a varíola, passando por pólio, difteria e todas elas. A porta de saída era vacina. Em maio, depois que saí dos Ministério da Saúde, os laboratórios começaram a realizar os testes de fase 2. Só ali eles começam a abordar os países com propostas de encomendas. Na minha época não oferecido. Mas eu rezava muito para que fosse. Teria ido atrás da vacina como atrás de um prato de comida — afirmou.

Questionado pelo vice-presidente da CPI da Pandemia, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), Luiz Henrique Mandetta disse que a atuação do então ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, dificultou a aquisição de insumos para o enfrentamento da pandemia. O ex-ministro da Saúde disse que “conflitos” dos filhos do presidente Jair Bolsonaro com a China também geravam “mal-estar”.

— Eu tinha dificuldade com o ministro das Relações Exteriores. O filho do presidente que é deputado federal [Eduardo Bolsonaro] tinha rotas de colisão com a China através do Twitter. Um mal-estar. Fui um certo dia ao Palácio do Planalto, e eles estavam todos lá. Os três filhos do presidente [deputado Eduardo Bolsonaro, vereador Carlos Bolsonaro e senador Flávio Bolsonaro] estavam lá. Disse a eles que eu precisava conversar com o embaixador da China. Pedi uma reunião com ele. ‘Posso trazer aqui?’ ‘Não, aqui não’. Existia uma dificuldade de superar essas questões. Esses conflitos com a China dificultavam muito a boa vontade — disse Mandetta.

Desenvolvimento Social de Monteiro realiza programação online alusiva ao dia 18 de MaioComemorando o 21º ano de mobilização, a campanha nacional destaca a data para mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos de crianças e adolescentes, para garantir aos mesmos o direito ao seu desenvolvimento de forma segura e protegida, livres do abuso e da exploração sexual.

Esse ano, mais uma vez em alusão ao dia, o Comitê Nacional de Enfrentamento à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes, a Rede ECPAT Brasil, seus membros e parceiros vêm ressaltar a importância da mobilização e participação dos diversos setores nessa ação. No entanto, levando em consideração o contexto de pandemia em face da Covid-19, as ações se dão em ambiente online.

Para tanto, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social elaborou uma agenda conjunta envolvendo diversos setores para disseminar e incentivar o combate à exploração e violência de crianças e adolescentes, confira:

12/05 às 10h – Lançamento da Campanha 18 de maio
Participação: Prefeita Anna Lorena – Secretário do Desenvolvimento Humano do Estado Tibério Limeira – Juiz da Infância Dr. Rodrigo Augusto Gomes – Secretários de Assistência Social da região do Cariri e profissionais ligados à temática de Monteiro.

17/05 às 11h – Entrevista no Programa Ponto de Debate com tema Violência Intrafamiliar
Participação: Coordenadora do CRAS – Ângela Maria – Psicólogo do CREAS Antônio Gabriel – Conselheiro Tutelar Pedro Paulo Beserra.

17 a 21/ 05 – Articulação com a Secretaria de Educação para inserção do tema em atividades durante as aulas a distância. (PAIF e PAEFI e Educação)

17 a 21/05 – Realização de atividades online com crianças e adolescentes do Programa Serviço de Convivência e Criança Feliz em períodos alternados, como contação de histórias, jogos online, leitura de textos e poesias, atividades musicais, debates e exibição de filmes.

 20/05 – Videoconferência do CREAS com a participação dos Agentes Comunitários de Saúde e Conselho Tutelar com tema Prevenção do abuso e exploração sexual em tempo de pandemia.

22/05 – Abordagem social do Conselho Tutelar na Feira Livre

A Prefeita de Monteiro, Anna Lorena, encaminhou ofício ao Ministério da Cultura – MinC, solicitando recursos para investimento na reforma do Centro Cultural Alexandre da Silva Brito.

No pedido, Lorena ressalta a importância de grandes nomes locais do mundo das artes (Música, Dança, Teatro, Literatura, Artes Plásticas), que possuem influência e, ao mesmo tempo, já se tornaram referência em nível nacional no campo em que atuam, levando consigo os valores culturais da nossa gente e contribuindo para preservação e divulgação da cultura e das tradições da nossa terra.

No projeto, deverão constar os serviços de reforma, ampliação e adequação para que o Centro Cultural possa abrigar a Escola de Música e espaço adequado para os ensaios da Banda Filarmônica, Galeria de Arte para exposição e Museu Histórico do Município.

Confira abaixo ofício enviado ao MinC

Senhor Ministro,

O município de Monteiro, localizado no Cariri paraibano é tradicionalmente conhecido pelo seu rico patrimônio cultural e artístico, destacando-se importantes nomes como Jansen Filho, José Rafael de Menezes, Pinto de Monteiro, Flávio José, Banda Magníficos, Walkyria Santos e tantos outros filhos que seguem levando o nome desta terra por todo nosso país.

Como forma de incrementar nossa cultura estamos inovando o nosso Centro Cultural, local este instalado na área central de Monteiro, onde acolherá a Banda Filarmônica, Salas para exposição de Artes, e aulas de músicas, além de exposição de nosso patrimônio histórico e o trabalho de nossos artistas.

Diante do alto investimento que será necessário para a adaptação de todos os serviços mencionados acima, vimos solicitar de Vossa Excelência a destinação de recursos financeiros da ordem de R$ 1.500.000,00 (hum milhão e quinhentos mil reais) para que possamos implantar este projeto, que ficará marcado na história de Monteiro.

Certo de contarmos com o apoio de Vossa Excelência, antecipamos os nossos agradecimentos pela atenção dispensada.

Atenciosamente,
ANNA LORENA DE FARIAS LEITE NÓBREGA

A Justiça Federal no Distrito Federal determinou, em decisão liminar, a suspensão das provas objetivas e discursivas do concurso da Polícia Rodoviária Federal (PRF), marcadas para o próximo domingo (9). O motivo é o risco apresentado pela realização dos exames presenciais em meio à pandemia da Covid-19.

As inscrições para a seleção foram abertas em janeiro e o edital prevê o preenchimento de 1,5 mil vagas. Ao todo, 304.330 pessoas se inscreveram para o concurso em todo o país. As provas deveriam ter sido realizadas em março, mas já haviam sido adiadas por conta da pandemia.

Na decisão, o magistrado determina que o correto é aguardar a melhora da situação de saúde pública, para “só então realizar o concurso público, de modo a proteger a saúde dos candidatos, dos funcionários responsáveis pela aplicação das provas e da população em geral”.

Cabe recurso da decisão.

A Secretaria de Saúde do município de Monteiro inicia o mês de maio com um alerta importante em relação a prevenção aos acidentes de trânsito. “Acreditamos que o trânsito deve ser seguro para todos em qualquer situação, é pensando assim que apoiamos a campanha ‘MAIO AMARELO’ para chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito”, afirma a secretária da pasta, Paula Oliveira.

Criado em 11 de maio de 2011, a ONU decretou a Década de Ação para Segurança no Trânsito. Com isso, o mês de maio se tornou referência mundial para balanço das ações que o mundo inteiro realiza. O Maio Amarelo é uma ação coordenada entre o Poder Público e a sociedade civil.

A intenção é colocar em pauta a segurança viária e mobilizar toda a sociedade para discutir o tema, estimulando o cidadão a promover atividades voltadas à conscientização, ao amplo debate das responsabilidades e à avaliação de riscos sobre o comportamento de cada um, dentro de seus deslocamentos diários no trânsito. As ações do Maio Amarelo são desenvolvidas em todos os estados brasileiros e em outros 26 países nos cinco continentes.

Em Monteiro não é diferente, a Secretaria de Saúde junto com o órgão competente, colocarão em pauta para a sociedade o tema trânsito. As ações têm o intuito de estimular a participação da população, empresas, governos e entidades, onde a união de forças resultará em melhorias nas condições do trânsito e com isso proporcionar uma vida melhor para condutores e pedestres no dia a dia do município no quesito segurança.

Mais Lidas do dia