Prefeitos caririzeiros se reúnem com Vice Presidente do TRE-PB

Na manhã desta quarta-feira (15), os prefeito de Caraúbas (Pedro da Silva), Gurjão (Ronaldo Queiroz, PSC) e São João do Cariri (Cosme Gonçalves, DEM), além de representantes das câmaras de Vereadores desses 3 municípios, participaram de uma audiência com o vice-presidente do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE), desembargador, José Aurélio da Cruz e técnicos desta corte, bem como o juiz da 22ª Zona Eleitoral, José Jakson Guimarães.

Na oportunidade, os prefeitos assinaram um termo de cooperação, celebrado entre as prefeituras e o TRE.

O objetivo é a colaboração e cooperação no desenvolvimento de ações conjuntas entre seus servidores e na instalação de postos de atendimento para a realização do cadastro biométrico de eleitores.

Ficou decidido que para São João do Cariri, o recadastramento ocorre no período de 6 meses enquanto Caraúbas e Gurjão, serão apenas 3 meses.

Em São João do Cariri, o recadastramento já teve início há alguns dias, enquanto Caraúbas e Gurjão, ainda terão suas datas definidas em breve, sendo que, será um município por vez.

Tanto o presidente do TRE quanto o Juiz da 22ª Zona, falaram da importância do recadastramento, que é obrigatório, porque passado o prazo, os eleitores que não o fizerem, terão o título eleitoral cancelado o que implica numa série de prejuízos, haja vista que ficarão impedidos, por exemplo, de concorrerem a concursos públicos e tirar passaportes.

Outras observações importantes, foram feitas José Aurélio e por Jackson, dizendo que os eleitores procurem fazer o recadastramento o quanto antes para evitar correrias de última hora.

Também quanto aos documentos que devem ser apresentados na hora do recadastramento: título de eleitor, um documento de identificação com foto e um comprovante de residência (que pode ser um recibo de conta de água, luz ou telefone).

Você pode gostar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *