Prefeitura de Prata projeta atualização do piso salarial dos professores

O prefeito do município de Prata, Júnior Nóbrega (PMDB), encaminhou nesta quarta-feira (21) a Câmara Municipal, o projeto de Lei que regulamenta a atualização do piso salarial do magistério público municipal da educação.

O piso salarial para o magistério público municipal será corrigido em 13,01% (treze vírgula zero um por cento) sobre o valor dos vencimentos, conforme determina o Art. 5º da Lei Federal nº 11.738, de 16 de junho de 2008

A Secretária de Educação, Maria Joselma, destacou que a aprovação deste projeto foi um passo importante para a categoria do magistério e que vem de encontro a um sonho de muitos anos dos professores da rede municipal, graças à visão do prefeito na melhoria da educação como um todo.

O governo federal reajustou em 13,01% o piso nacional dos professores. Com isso, o salário inicial dos professores de escola pública, com formação de nível médio e jornada de trabalho de 40 horas semanais, será de R$ 1.917,78 e passa a valer a partir deste mês.

O piso salarial passou de R$ 950, em 2009, para R$ 1.024,67, em 2010, e R$ 1.187,14, em 2011, conforme valores informados no site do MEC. Em 2012, o valor vigente era R$ 1.451; em 2013, passou para R$ 1.567; e, em 2014 foi reajustado para R$ 1.697,39. O maior reajuste foi 22,22%, em 2012.

Você pode gostar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *