“ABSURDO”: Deputado demonstra indignação com pedido de Ricardo Coutinho para reaver pensão de R$ 23,5 mensais

O socialista Ricardo Coutinho (PSB) solicitou o retorno do pagamento de pensão especial de ex-governador, no valor de R$ 23,5 mil mensais, o equivalente a R$ 282 mil por ano, saídos dos cofres públicos. O fato gerou indignação por parte do deputado federal Ruy Carneiro (PSB), que disse que o pedido é uma afronta à população paraibana que vem passando por uma grave crise econômica e de desemprego com a pandemia.

“Sempre fui contra privilégios de qualquer natureza. Considero absurdo que Ricardo Coutinho, envolvido na Operação Calvário com acusações e milhares de horas de gravações que apontam o desvio de mais de R$ 134 milhões da saúde, um dos maiores escândalos de corrupção do Estado, agora venha requerer retorno de pagamento de pensão especial como ex-governador. Os paraibanos não aguentam mais essa política de privilégios, é uma imoralidade com o dinheiro público”, ressaltou.

Ruy pontuou ainda que ficou clara a indignação da população a Ricardo Coutinho nas urnas na eleição para prefeito, quando o ex-governador ficou em sexto lugar no pleito. Ruy observou que é o momento de acabar com os privilégios, usar melhor o dinheiro público em prol de quem mais precisa. “Não dá para o paraibano ficar levando nas suas costas, pagando com seus impostos e sustentando políticos de carreira que não têm compromisso com o povo”, alertou.

Primeiro parlamentar que iniciou a luta contra o nepotismo no Brasil, enquanto deputado estadual, Ruy também lutou, na Câmara Federal, pelo fim 14º e 15º salários e sua atuação inclui projetos pelo fim do auxílio mudança para deputados e pelo fim da pensão a ex-governadores.

Você pode gostar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *