Os são-sebastianenses voltaram a sorrir na tarde desta quarta-feira (24). O dia amanheceu nublado e por volta das 15h20, as chuvas chegaram caindo e registrando a maior chuva do ano em São Sebastião do Umbuzeiro.

A precipitação foi 39,8 milímetros, segundo pluviômetro que eu tenho na minha residência.

Em algumas localidades a precipitação foi mais forte e outras nem tanto, mas o suficiente para levar as pessoas para as portas de suas casas no desejo de apreciar a volta da tão esperada chuva e colocar o banho de bica em dias.

A Câmara dos Deputados incluiu na pauta de votações da tarde desta quarta-feira (24) a proposta de emenda à Constituição (PEC) que cria novas regras para a imunidade parlamentar e a prisão de deputados e senadores. A proposta entrou na pauta do plenário mesmo sem ter passado por nenhuma comissão, o que não é comum.

O texto da PEC foi divulgado nesta terça-feira (23). Nesta quarta (24), alcançou 186 assinaturas de deputados e foi protocolado. O mínimo necessário eram 171 assinaturas.

Foi o próprio presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), que anunciou que os deputados iriam mudar a Constituição para regulamentar o artigo 53, que trata da imunidade parlamentar e da prisão de deputados e senadores.

O anúncio foi feito na sexta-feira (19), na sessão em que a Câmara decidiu manter a prisão de Daniel Silveira (PSL-RJ). O deputado foi preso em flagrante depois de divulgar um vídeo com ameaças a ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). Quatro dias depois, o deputado Celso Sabino (PSDB-PA) já estava com o texto pronto.

A previsão é que o público paraibano, compreendido entre 18 e 59 anos, comece a ser vacinado contra Covid-19 a partir do mês de junho deste ano, segundo revelou o secretário de Estado da Saúde, Geraldo Medeiros. Até o mês de maio, estima-se que todas as pessoas dos grupos prioritários sejam imunizadas.

“A previsão é de vacinar até o final de maio todos os grupos prioritários e a partir de junho, a população de 18 a 59 anos”, ressaltou. Essa perspectiva de vacinar o público nessa faixa etária decorre da produção é que os Institutos Butantan e Bio-Manguinhos/Fiocruz terão capacidade por dia que é de aproximadamente 600 mil doses cada um.

Nesta quarta-feira (24), às 17h, chega, no Aeroporto Internacional Castro Pinto, na Região Metropolitana de João Pessoa, um novo lote de 39.500 doses da Astrazeneca. A Paraíba já aplicou 128.974 doses, incluindo algumas pessoas já com a segunda dose, conforme dados do Ministério da Saúde. Isso coloca o Estado na 14ª posição no ranking das unidades federativas do Brasil.

Até o momento, o Estado recebeu 223.680 doses. Do total, 187.680 Coronavac e 36 mil Astrazeneca. As duas necessitam de duas aplicações, cada um com intervalos diferenciados, sendo a primeira com até 28 dias e a segunda, até quatro meses.  A previsão é que chegue 39.500 da Astrazeneca, às 17h desta quarta-feira (24).

Quatro indivíduos que estavam em um veículo modelo Corolla branco, realizaram um assalto na manhã desta quarta-feira (24), na cidade de Ouro Velho, no Cariri paraibano. Os criminosos roubaram uma Hilux Prata 2016, placa QFN – 6396.

Conforme informações, os assaltantes fugiram com a vítima dentro do veículo, e só liberaram o proprietário próximo a cidade do Congo e seguiram em sentido ao município de Jataúba.

Até o momento, nenhum suspeito foi preso.

O governador da Paraíba João Azevêdo (Cidadania) disse nesta quarta-feira (23) que o Governo do Estado já está em articulação junto ao Consórcio Nordeste para negociar diretamente com os laboratórios a compra de vacinas contra a Covid-19.

“Todo esforço para acelerar a vacinação é justo e necessário”, escreveu o gestor em uma rede social.

A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nessa terça (23) que Estados e Municípios podem comprar e fornecer à população vacinas contra a Covid-19. A decisão foi proferida em uma ação protocolada pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

A medida foi autorizada apenas em caso de descumprimento do Plano Nacional de Vacinação pelo Governo Federal ou de insuficiência de doses previstas para imunizar a população.

A liberação também vale para os casos em que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) não conceda autorização em 72 horas para uso de imunizantes aprovados por agências reguladoras de outros países.

Os ministros acompanharam voto proferido pelo relator, Ricardo Lewandowski. Segundo o ministro, todos os entes da Federação devem combater a pandemia.

“A Constituição outorgou a todos os entes federados a competência comum de cuidar da saúde, compreendida nela a adoção de quaisquer medidas que se mostrem necessárias para salvar vidas e garantir a higidez física das pessoas ameaçadas ou acometidas pela nova moléstia, incluindo-se nisso a disponibilização, por parte dos governos estaduais, distrital e municipais, de imunizantes diversos daqueles ofertados pela União, desde que aprovados pela Anvisa, caso aqueles se mostrem insuficientes ou sejam ofertados a destempo [fora de hora]”, afirmou.

A votação ocorreu por meio eletrônico. Nessa modalidade, os ministros computam os votos de forma eletrônica, sem reunião presencial. A ferramenta começou a ser usada antes da pandemia de Covid-19.

Um dos espaços de lazer mais frequentados pelos moradores do bairro dos Pereiros e da Rua da Várzea, a pracinha que fica localizada próxima à Escola Municipal Brisa Nunes Brás recebeu uma repaginada por parte da equipe da Secretaria de Infraestrutura.

O local é frequentado por crianças, jovens e adultos dos dois bairros, em virtude do seu clima agradável e de sua localização.

No local, a secretaria realizou serviços de varrição, limpeza de mato, poda das árvores, e reparos e manutenção nos brinquedos do parquinho e nos banquinhos.

“Esta pracinha é muito frequentada, tanto pelo seu ambiente agradável, quanto pela sua localização nas proximidades da subida para a EMBRAPA, proporcionando aos moradores do Bairro dos Pereiros e da Rua da Várzea sua utilização para momentos de lazer”, explicou o secretário Túlio Conrado.

  Secretaria de infraestrutura realiza manutenção e limpeza nos canteiros da Rua da Várzea, ponto de encontro da população

Os canteiros da Rua da Várzea receberam uma atenção especial na última semana.

O local que concentra uma boa movimentação de moradores da rua, em especial no período do final da tarde e noite, tem recebido um cuidado especial da equipe da secretaria de infraestrutura.

Está sendo realizada de forma constante a limpeza do mato, a varrição do local, a manutenção dos banquinhos e outros reparos necessários, para que o local mantenha a sua qualidade de local agradável para se frequentar.

“Existe a intenção da gestão municipal de calçar os canteiros na oportunidade em que isto for possível. Enquanto isso, vamos tornando o ambiente constantemente agradável, para que a população do bairro se sinta bem quando lá estiver”, afirmou o secretário de infraestrutura Túlio Conrado.

O prefeito de Campina Grande, Bruno Cunha Lima, que se encontra em Brasília cumprindo agenda administrativa, revelou que vai publicar um decreto estabelecendo novos parâmetros para o Município em meio ao agravamento da pandemia da Covid-19 na Paraíba.

O novo decreto deverá ser publicado no Semanário Oficial do Município até a próxima sexta-feira (26). O prefeito adiantou que  estabelecerá no documento parâmetros e medidas de acordo com a “realidade diferenciada” de Campina Grande.

Bruno disse que não aceita que a cidade seja penalizada com a mesma adoção de restrições extremas estabelecida em outros municípios paraibanos, onde os números apresentam uma situação fora de controle.

“O poder público municipal não vai, em nenhum momento, mandar mensagens à sociedade de que a acomodação será a tônica, a partir de agora. Muito pelo contrário”, disse.

O decreto recomendado pelo prefeito Bruno Cunha Lima está sendo preparado pelo procurador-geral do Município, Aécio Melo, com base nas informações repassadas pela equipe do secretário Filipe Reul, da Saúde de Campina Grande. Participam também do grupo de trabalho Rosália Lucas (Desenvolvimento Econômico), Diogo Flávio (Administração), Gilney Silva Porto (adjunto da Saúde) e Tito Lívio, diretor do Complexo Hospitalar Municipal Pedro I.

“Embora nos mantenhamos na chamada bandeira amarela, portando fora do âmbito do novo decreto estadual de medidas restritivas duras, exatamente porque temos feito nosso dever de casa desde o início da pandemia, não vamos relaxar no cuidado e na atenção necessários para este momento tão delicado”, explicou Bruno.

Câmeras de segurança flagraram momentos em que bandidos tentaram matar o vice-prefeito de Monteiro, Celecileno Alves, e seu filho Cayo Alves, na noite da última segunda-feira (22), em sua granja localizada as margens da BR-110, na zona rural de Monteiro.

As imagens mostram momentos em que os bandidos armados perseguem atirando no vice-prefeito Celecileno e seu filho e em seguida fogem granja.

Confira o vídeo AQUI.

O deputado estadual Tovar Correia Lima (PSDB) e uma comitiva composta por prefeitos, vice-prefeitos e presidentes de Câmaras Municipais de quatro cidades paraibanas realizaram uma visita ao município de Santa Cruz do Capibaribe, em Pernambuco, nesta terça-feira (23). A viagem teve por objetivo conhecer o modelo de negócio praticado pela cidade pernambucana e tentar atrair negócios para municípios paraibanos, que aproveitaram para apresentar a estrutura que dispõem e os incentivos que oferecem para receber empresas do ramo têxtil, gerando emprego e renda. “Existe o interesse de alguns empresários de instalar negócios na Paraíba e nós fomos conhecer de perto o modelo de desenvolvimento de Santa Cruz do Capibaribe e tentar implementar em algumas cidades paraibanas”, explicou Tovar.

Participaram da visita o prefeito de Amparo, Inácio Nóbrega; o vice-prefeito Cícero Maciel e o presidente da Câmara Municipal, Duda Barnabé; o vice-prefeito do município de Ouro Velho, Paulo Júnior; o presidente da Câmara de Camalaú, Célio Môco, acompanhado pelos vereadores Giliard e Karina; além do chefe de gabinete da Prefeitura de Prata, Paulo Fernando.

A primeira parada da comitiva foi no Moda Center, onde foram recebidos presidente José Gomes Filho, conhecido como Menininho. Em seguida, participaram de uma reunião na Associação comercial de Santa Cruz do Capibaribe (Ascape) e, por último, passaram em uma fábrica de confecções. “A viagem foi super produtiva, pudemos conhecer o modelo de negócio praticado em Santa Cruz e comprovar que são grandes empreendimentos, com estrutura adequada e uma linha de produção eficaz”, destacou Tovar.

O parlamentar destacou que a ideia é fazer com que cidades que estão nas adjacências de Santa Cruz, mas que são da Paraíba possam desenvolver pequenos fábricas e cooperativas. “Para isso, a gestão pública desses municípios paraibanos ofereceria terreno, galpão, algum tipo de incentivo para que os pequenos fabricantes de Santa Cruz se instalem em cidades paraibanas, começando a produzir peças para as fábricas de Santa Cruz e, assim, gerando emprego e renda para Paraíba”, explicou.

Tovar relatou ainda que a proposta apresentada pelos representantes dos municípios paraibanos foi muito bem acatada, tendo em vista que, pelo tamanho que é o empreendimento em Santa Cruz, não há mão de obra suficiente para atender a demanda do lugar.

O cantor e compositor paraibano,Vital Farias, foi internado na noite desta terça-feira (23), na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Cruz das Armas de João Pessoa, com Coronavírus. De acordo com informações, o cantor de 78 anos está com 50% dos pulmões comprometidos por causa da doença.

Ainda de acordo com informações, o estado de saúde é considerado estável e o cantor segue em observação na unidade de saúde. Ele já está medicado, seguindo o protocolo de combate a doença, com antibiótico, corticóide e anticoagulante.

Nas próximas horas serão realizados novos exames físicos e laboratoriais.

Vital Farias é autor de grandes sucessos do cancioneiro nacional, a exemplo de “Ai que saudade de Oce” e “Pra você gostar de mim”.

A Paraíba recebe na tarde desta quarta-feira (24), 39.500 novas doses da vacina Astrazeneca. A informação foi confirmada pelo secretário de saúde, Geraldo Medeiros.

A aeronave com as doses da vacina decola por volta das 14h e tem previsão de chegada no Aeroporto Castro Pinto às 17h05.

Também é esperada nesta quarta-feira (24), a chegada de 23.800 doses da vacina Coronavac, enviada pelo Instituto Butantan, porém sem estimativa de horário.

De acordo com dados da Secretaria de Saúde da Paraíba, até o momento 223.680 doses foram recebidas, 187.892 distribuídas e 117.756 doses aplicadas em todo o estado.

A cantora e rapper Karol Conká foi a 4ª eliminada do Big Brother Brasil (BBB) 21 na noite desta terça-feira (23). Com 99,17% dos votos, alto índice de rejeição, a curitibana deixa o reality show com alguns desafetos e desaprovação do público por seus posicionamentos e atitudes. O resultado bateu o novo recorde de rejeição, que até até era do humorista Nego Di, que saiu com 98,76 dos votos.

Enquete do Diário do Nordeste havia antecipado que Conká seria a eliminada da semana da “casa mais vigiada do Brasil”. Karol foi parar no paredão por indicação da líder Sarah no último domingo (21). Ela disputou a berlinda com Arthur e Gil, que tiveram 0,59% e 0,29% dos votos, respectivamente

Polêmicas

Karol Conká entrou no BBB 21 com status de favorita: entre os que assistiram, ao vivo, a divulgação da lista de participantes, a surpresa ao ver nome como o da artista na nova edição foi evidente.

Nada mais justo que entrasse na “casa mais vigiada do Brasil” e recebesse um tratamento parecido lá dentro. Vista como forte para os competidores, não demorou a formar alianças no reality show, mas não contava com o poder da rejeição do público.

Nesta terça-feira (23), o presidente Câmara de Camalaú, Célio Môco, esteve ao lado do vereador Lilinha e da vereadora Karina Vigário, em uma reunião na cidade de Santa Cruz do Capibaribe/PE, onde também estiveram presentes o deputado estadual Tovar Correia Lima, outras lideranças do Cariri, empresários e o diretor presidente do Moda Center.

Na pauta, estava a discussão para viabilizar a possibilidade e importância de parcerias que gerem emprego e renda para a região do Cariri paraibano.

Após a reunião, foram feitas visitas nas maiores fábricas no ramo de confecções na cidade de Santa Cruz do Capibaribe, para que seja aproveitada a mão-de-obra local.

O vereador Célio Môco destacou que Camalaú já é um pólo de comércio têxtil e a chegada de empresas vai fortalecer ainda mais a economia local.

A prefeita do município de Monteiro, Anna Lorena, em conjunto com a secretária de Saúde, Paula Oliveira, decidiram adotar algumas medidas contidas no Decreto Estadual publicado nesta terça-feira, 23.

Mesmo o município estando classificado, de acordo com o Plano Novo Normal do Governo do Estado, em bandeira amarela, a gestora optou por acolher algumas medidas devido ao crescente número de casos, internações e envio de pacientes em estado mais grave para Campina Grande.

Segundo dados da Secretaria Municipal de Saúde, pelo menos um paciente é enviado diariamente para receber maiores cuidados em Campina Grande, que é referência para os casos de Covid-19 do Cariri paraibano. Este fato tem inspirado cuidados por parte da gestão.

De acordo com Anna Lorena as medidas visam resguardar a população e o sistema municipal de saúde, principalmente no tocante ao Hospital Santa Filomena que é regional e atende cerca de 16 municípios.

“Precisamos entender que temos um Hospital que recebe demandas de diversos municípios. Sabemos que o momento é difícil e nós enquanto gestão temos que assegurar atendimento para todos os pacientes, e a população tem que nos ajudar, já que temos observado o relaxamento quanto às medidas de segurança”, informou a gestora.

As principais mudanças acontecem nas escolas particulares que haviam retornado às aulas presenciais em sistema híbrido. A partir desta quarta-feira, as aulas do ensino fundamental, médio e superior estão suspensas e as aulas do sistema de educação infantil serão em sistema híbrido.

Apesar do município de Monteiro estar na bandeira amarela, a Secretaria de Saúde do município deverá reunir o Comitê Gestor de enfrentamento ao Covid-19 para avaliar outras medidas a serem adotadas.

A Secretaria de Saúde reforça a importância do uso de máscaras, álcool gel, da higienização das mãos e principalmente a aglomeração.

Mais Lidas do dia

string(8) "footer-4"