Uma nova rodada da pesquisa Datafolha sobre a sucessão presidencial, divulgada nesta quinta-feira (18), mostrou uma queda na diferença entre o ex-presidente Lula (PT) para o presidente Jair Bolsonaro (PL), segundo colocado.

De acordo com o levantamento, Lula lidera com 47% contra Bolsonaro, que tem 32%. O petista manteve o percentual e o presidente avançou 3 pontos em relação à última pesquisa, feita na última semana de julho, que ainda tinha os nomes de André Janones (Avante) e Luciano Bivar (União Brasil).

Intenção de voto estimulada
Lula (PT): 47%
Jair Bolsonaro (PL): 32%
Ciro Gomes (PDT): 7%
Simone Tebet (MDB): 2%
Vera (PSTU): 1%
Pablo Marçal (PROS): 0%
Roberto Jefferson (PTB): 0%
Felipe d’Avila (NOVO): 0%
Sofia Manzano (PCB): 0%
Léo Péricles (UP): 0%
Soraya Thronicke (União Brasil): 0%
Eymael (DEMOCRACIA CRISTÃ): 0%
Em branco/nulo/nenhum: 6%
Não sabe: 2%

O novo levamento mostra Ciro Gomes (PDT) com 7%, seguido por Simone Tebet (MDB), com 2%, e Vera (PSTU), 1%. Pablo Marçal (PROS), Sofia Manzano (PCB), Felipe d’Ávila (NOVO), Soraya Thronicke (União Brasil), Eymael (Democracia Cristã), Léo Péricles (UP) e Roberto Jefferson (PTB) não pontuaram.

O questionário foi registrado no TSE no dia 12, antes da retirada da candidatura de Pablo Marçal e do registro da candidatura de Eymael como Constituinte Eymael. A pesquisa ouviu 5.744 pessoas em 281 municípios e tem margem de erro de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

De acordo com o Datafolha, mesmo com um quadro diferente de candidatos, a pesquisa atual pode ser comparada com as anteriores porque o percentual atingido pelos candidatos que entraram ou saíram da disputa fica entre 0 e 2%, dentro da margem de erro dos levantamentos, “e dessa forma não compromete a evolução dos resultados registrados desde maio deste ano”.

A pesquisa mostra que Lula vai melhor entre os mais pobres, os que se declaram pretos e os que vivem na região Nordeste. As intenções de voto no petista são mais expressivas entre:

Eleitores com renda de até 2 salários mínimos (55%)
Quem recebe ou mora com alguém que recebe Auxílio Brasil (56%)
Moradores da região Nordeste (57%)
Autodeclarados pretos (60%)
Homossexuais ou bissexuais (69%)

Já Bolsonaro tem melhor desempenho entre os mais ricos, os brancos, os evangélicos e os que vivem na região Norte. A intenção de voto no presidente é maior entre:

Quem tem renda superior a 10 salários mínimos (43%)
Moradores da região Norte (43%)
Autodeclarados brancos (38%)
Evangélicos (49%)
Votos válidos

Contando apenas os votos válidos, sem nulos, brancos e indecisos, Lula tem 51%, o que deixa a possibilidade de vitória no primeiro turno dentro da margem de erro. Bolsonaro tem 35% dos votos válidos e Ciro, 8%.

Lula (PT): 51%
Jair Bolsonaro (PL): 35%
Ciro Gomes (PDT): 8%
Simone Tebet (MDB): 2%
Vera (PSTU): 1%
Pablo Marçal (PROS): 1%
Roberto Jefferson (PTB): 0%
Felipe d’Avila (NOVO): 0%
Sofia Manzano (PCB): 0%
Léo Péricles (UP): 0%
Soraya Thronicke (União Brasil): 0%
Eymael (DEMOCRACIA CRISTÃ): 0%

Intenção de voto espontânea

Na pesquisa espontânea, em que não são apresentados nomes de candidatos, Lula aparece com 40% das intenções de voto e Bolsonaro com 28%. Ciro foi citado por 2% e Simone Tebet por 1%.

Lula (PT): 40%
Jair Bolsonaro (PL): 28%
Ciro Gomes (PDT): 2%
Simone Tebet (MDB): 1%
Outras respostas: 2%
Em branco/nulo/nenhum: 6%
Não sabe: 22%

O presidente da Câmara de Monteiro, o vereador Sandro Lira, apresentou na sessão ordinária desta quinta-feira (18), o Requerimento nº 189/2022 onde solicita uma reavaliação salarial para os membros do Conselho Tutelar de Monteiro. Na opinião do parlamentar monteirense, o salário destes importantes servidores já deveria ter sido reavaliado, a exemplo de outras cidades onde já aconteceu a sugerida mudança.

“Trata-se de uma importante classe de servidores que desempenha um papel essencial para as famílias monteirenses. Na cidade do Conde-PB por exemplo, o salário dos conselheiros tutelares foi reavaliado, e o reflexo é uma prestação de serviço ainda melhor. Trata-se de um árduo trabalho que têm recuperado jovens envolvidos com drogas, e crianças em situação de abandono e violência. Sabendo da sensibilidade da gestora municipal, com certeza chegaremos a uma solução satisfatória para estes profissionais” – falou Sandro Lira.

A Terceira Câmara Cível do Tribunal de Justiça manteve a condenação do Estado da Paraíba por danos morais, no importe de R$ 8 mil, em virtude da prisão ilegal de um homem, por aproximadamente quatro dias, decorrente de suposta adulteração do número do motor da motocicleta que pilotava. No recurso julgado pelo colegiado, o Estado pugnou pelo afastamento da condenação que lhe foi imposta, ao defender que a prisão foi realizada no estrito cumprimento do dever legal, bem como que não houve abalo moral, mas tão somente mero aborrecimento.

O autor da ação alega que no dia 20/09/2008, durante a operação policial denominada Chassi Legal, foi abordado por servidores públicos do Detran e do GOE (Grupo de Operações Especiais da Polícia Civil do Estado da Paraíba), que, ao suspeitarem de possível adulteração do número do motor da sua motocicleta, foi preso pelo Delegado da Polícia Civil que coordenava a operação, tendo sido recolhido em instituição prisional (Cadeia Pública de Monteiro) e sua motocicleta apreendida, sob a alegação de existência de adulteração na mesma.

O relator do processo nº 0089756-23.2012.8.15.2001, Desembargador Marcos William de Oliveira, disse que a ilegalidade da prisão decorre da ausência de adulteração do veículo, inexistindo um motivo legítimo para a prisão em flagrante do promovente, tanto que foi devidamente relaxada pela magistrada, por não vislumbrar nenhuma conduta ilícita praticada.

“Diante dos fatos narrados, entendo que a conduta dos agentes públicos não configura exercício regular do direito. Trata-se, em verdade, não só de restrição indevida ao direito de locomoção, mas também, de violação à dignidade de um cidadão que, sem motivo plausível, foi conduzido à delegacia em razão de suposta adulteração do número do motor da motocicleta que pilotava, ficando preso, indevidamente, por aproximadamente quatro dias, o que, sem dúvida alguma, causou abalo à sua integridade física e moral”, ressaltou o relator do processo.

Da decisão cabe recurso.

A Polícia Civil prendeu, no fim da tarde dessa quarta-feira (17), um homem apontado como o maior assaltante de cargas da Paraíba. O suspeito foi localizado em uma residência nos Colibris, em João Pessoa.

As investigações apontaram que “Caiçara” está envolvido com mais de 30 assaltos a caminhões. Ele é apontado com responsável por roubo de cargas de um centro de distribuição de uma loja varejista.

“Esses caminhoneiros eram rendidos por vários indivíduos armados que utilizavam armas de grosso calibre. Esses veículos eram levados para dentro de canaviais, onde outros veículos davam apoio a ação e acabavam roubando toda a carga. O Caiçara [o homem preso] usava de muita violência contra os caminhoneiros”, disse o delegado Carlos Othon.

“Só uma das cargas roubadas e recuperadas pela polícia tinha o valor de R$ 500 mil. [Ele] Faz parte de um grupo criminoso especializado no roubo de cargas, algumas pessoas já haviam sido presas e outras são investigadas”, disse o delegado.

Recentemente, uma notícia que circulou nos jornais e notícias do mundo causou um grande suto e estranhamento nas pessoas. A notícia publicada no Brasil pelo jornal O Tempo traz a seguinte manchete, “Mulher atinge orgasmo, e artéria mais importante do corpo se rompe“. A matéria citada traz o relato de um acontecimento dito como raro, onde uma mulher de 45 anos após atingir o orgasmo durante uma relação sexual com o marido, sofreu rompimento da maior e mais importante artéria do corpo, a aorta.

Para entender melhor sobre esse caso, o Polêmica Paraíba conversou com o pesquisador e doutor em Cardiologia pela Universidade de São Paulo (USP), Valério Vasconcelos, que explicou o que teria motivado o rompimento da aorta.

Segundo Dr. Valério, a mulher que teve essa artéria rompida teve um Hematoma Intramural da Aorta, que é uma doença aórtica aguda, causada por um sangramento da parede do vaso. Muitas vezes são pessoas hipertensas que têm isso.

“O que ela teve foi um hematoma intramural, mas, uma aneurisma da aorta também poderia causar esse rompimento, pois, a Síndrome Aorta Aguda são várias patologias que apresentam o mesmo sintoma, e que normalmente se manifesta de forma repentina, e que põe a pessoa em risco de morte”, disse o médico.

Dr. Valério Vasconcelos explicou ainda, que a relação sexual teve influência sim com o rompimento da artéria, e que isso pode ocorrer após o orgasmo devido ao aumento da frequência cardíaca e da pressão arterial.

“No momento da relação há um aumento da pressão arterial e da frequência cardíaca, e a pessoa que tiver uma predisposição a doença, pode acontecer o rompimento da artéria. A intervenção que foi feita, no caso mencionado inicialmente, foi baixar a pressão arterial e a cirurgia, e é o que se deve fazer”, finalizou Dr. Valério Vasconcelos.

O presidente Jair Bolsonaro se envolveu em uma confusão na manhã desta quinta-feira (18) após ter sido provocado pelo youtuber Wilker Leão, na saída do Palácio da Alvorada, residência oficial da Presidência em Brasília.

Leão costuma ficar na saída do Alvorada e fazer vídeos provocando apoiadores do presidente. Ele também faz vídeos provocando petistas em manifestações.

Nesta manhã, Bolsonaro parou para tirar fotos e fazer lives com seus apoiadores na saída do Alvorada. Leão começou a fazer perguntas e provocações, foi empurrado e caiu no chão. Não fica claro quem empurrou o blogueiro. Irritado, ele passou a xingar o presidente de “vagabundo”, “safado”, “covarde” e “tchutchuca do Centrão”.

Bolsonaro entrou no carro oficial para seguir para sua agenda de campanha eleitoral, mas, com a aumento dos xingamentos, acabou saindo do veículo e foi em direção a Leão. O presidente disse que queria falar com o youtuber e tentou pegar o celular dele, mas acabou puxando o homem pela gola da blusa, depois no braço dele.

Em meio à confusão, os seguranças do presidente tiraram Leão de perto de Bolsonaro. Depois do episódio, Bolsonaro conversou com ele por alguns minutos e foi para a Base Aérea. O presidente faz campanha eleitoral em São José dos Campos (SP). Leão ainda permaneceu no local e conversou com outros apoiadores.

O g1 procurou o Gabinete de Segurança Institucional (GSI) e a Secretaria de Comunicação Social (Secom) e mandou mensagens nas redes sociais de Leão, mas não obteve retorno deles até a última atualização desta reportagem.

O canal de Leão no YouTube tem 13 mil inscritos. Ele diz ser cabo do Exército desde 2014 e auxiliar da Assessoria Jurídica da Secretaria de Economia e Finanças do Exército desde 2015. E o objetivo de seu canal é “promover discussão acerca de tudo que está relacionado a esse universo político e militar”. Ele também tem 5,2 mil seguidores no Instagram e 125 mil no TikTok.

Conversa sem confusão
Após o episódio, Bolsonaro conversou por cerca de 5 minutos com Leão. Entre outros temas, os dois abordaram temas como mudanças na lei da delação premiada, orçamento secreto, reforma tributária, posse de armas e aliança com partidos do Centrão.

“Eu preciso aprovar as coisas no Parlamento, certo? Se for para aprovar sozinho, eu sou ditador. Fecha tudo, fecha Supremo, fecha Congresso, fecha tudo e eu resolvo as coisas sozinho. Eu tenho que ter o apoio do Parlamento. Os partidos de centro são quase 300 dos 513 parlamentares. Como vou aprovar um projeto simples de lei dispensando 300 votos?”, disse Bolsonaro.

“Eu não posso ser um presidente 100%. Vai desagradar um ou outro em alguma coisa, vai desagradar”, afirmou Bolsonaro.

Veja vídeo:

O prefeito de Boqueirão, Marcos Freitas, e seu vice Moisés Leal, divergiram do ex-prefeito e candidato a deputado João Paulo Segundo, de quem até então são aliados políticos, sobre o apoio ao Senado nas eleições deste ano.

Enquanto que a dupla anunciou apoio ao candidato Bruno Roberto, do PL, João Paulo Segundo declarou estar alinhado ao projeto de Efraim Filho (União Brasil).

Em 2020, Marcos Freitas e Moisés Leal foram lançados candidatos com o aval do então gestor. Moisés, inclusive, é primo de Segundo.

O posicionamento do grupo vem gerando especulações nos bastidores da política do município. Há quem diga que a decisão reflete um possível desgaste na relação com possibilidade de rompimento entre os membros do grupo político. Até bem pouco tempo o prefeito tinha o ex-gestor como uma espécie de conselheiro, mas desta vez teria tomado a decisão sem consultar seu padrinho político. Por outro lado, há também que acredite se tratar de uma estratégia para ampliar as chances de vitória na escolha do grupo na disputa ao Senado.

Filiado ao PP e aliado do governador João Azevêdo (PSB), João Paulo Segundo ignorou a decisão majoritária do partido e não segue a candidatura de Pollyanna Dutra (PSB). Por outro lado, Marcos Freitas e Moisés Leal seguem a candidatura de Bruno Roberto (PL), que tem como cabeça de chapa o radialista Nilvan Ferreira, também do PL

Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) concedeu, nesta sexta-feira (12), Título de Cidadania Paraibana aos delegados da Polícia Civil Durval Santos de Barros e João Paulo Pereira Amazonas. A sessão solene realizada no Plenário da Casa de Epitácio Pessoa foi proposta pelo deputado estadual Cabo Gilberto Silva como forma de reconhecer os relevantes serviços prestados por ambos aos paraibanos.

Para o deputado Cabo Gilberto, o trabalho que os homenageados desempenharam e vem desempenhando em favor dos paraibanos há tantos anos merece ser reconhecido pelo Estado e o torná-los cidadãos paraibanos é mais que uma homenagem, é uma forma de agradecer pela dedicação de ambos e pelos resultados alcançados por eles através do importante trabalho que realizam.

“Duas homenagens mais que merecidas a dois grande profissionais da Segurança Pública da Paraíba. Os delegados Durval e Amazonas atuam em prol do povo paraibano e merecem essa comenda pela esforço que fazem todos os dias defendendo a sociedade. São ávidos profissionais que trabalham com afinco mesmo com o risco da própria vida”, afirmou o deputado.

O delegado Durval Santos de Barros é pernambucano e veio morar na Paraíba no ano de 1988, após aprovação em concurso para o cargo. No Estado, delegado Durval assumiu também o cargo de superintendente da 4ª e da 5ª Superintendências Regional de Polícia Civil. Atuando como delegado na Paraíba há 32 anos, Durval afirmou que receber o Título de Cidadania Paraibana é motivo de muita alegria.

“São 32 anos de serviços prestados à sociedade para nossa tão necessária construção de dias melhores. Agradeço por essa linda homenagem que recebo. Agradeço ao deputado Cabo Gilberto pela propositura e também a todos os demais deputados que votaram a favor deste tão importante título. Hoje sou cidadão paraibano”, comemorou o delegado Durval.

Natural do Distrito Federal, o delegado João Paulo Pereira Amazonas mudou-se para a Paraíba há oito anos, quando foi empossado no cargo público que exerce atualmente, por ocasião de sua aprovação no concurso de delegado da Polícia Civil do Estado. Para ele, tornar-se de direito um cidadão paraibano é gratificante e traz um sentimento de acolhimento. “É um reconhecimento muito importante do nosso trabalho. Estou muito feliz. A Paraíba é uma terra que me acolheu e estabeleci aqui minha morada, que agora posso chamar de lar”, declarou.

A solenidade contou também com a presença do secretário de Estado da Administração Penitenciária, delegado João Alves; da diretora-geral Adjunta da Acadepol, Ana Karolina Maciel; da delegada Renata Matias, da 1ª Superintendência da Polícia Civil; do presidente da Associação de Delegados da Paraíba e do Brasil, Stevson Nogueira; além de agentes da Polícia Civil, amigos e familiares dos homenageados.

Pelo menos nove mandados de prisão estão sendo cumpridos em uma operação realizada nas cidades de Guarabira e Araçagi, no Agreste paraibano, na manhã desta quinta-feira (18). De acordo com a Polícia Civil, a Operação Irene tem o objetivo de prender suspeitos de participação em assaltos em propriedades rurais das duas cidades.

De acordo com o delegado Luciano Soares, as investigações começaram há cerca de três meses, envolvendo os setores de inteligência da Polícia Civil, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros, a partir de denúncias feitas pelo Disque Denúncia 197.

“Os alvos são suspeitos de participação em assaltos a propriedades rurais de Guarabira e Araçagi, mediante o uso de violência, e subtraindo objetos de valor, incluindo veículos e animais das vítimas. Em uma das ações, em dezembro de 2021, os criminosos chegaram a invadir uma propriedade em Araçagi e consumar o estupro de uma das vítimas”, disse o delegado.

Além dos nove mandados de prisão, a operação também visa cumprir nove mandados de busca e apreensão. O nome da operação, Irene, vem da mitologia grega. Irene era uma das filhas de Zeus e Têmis, sendo a personificação da paz.

Os candidatos ao Governo do Estado participam nesta quinta-feira (18) de reuniões, entrevistas e atividades variadas. O ClickPB diariamente publica a agenda dos candidatos que disputam a vaga de chefe do Executivo do Estado da Paraíba.

Adjany Simplício (PSOL)

A equipe da candidata ainda não enviou a agenda oficial ao ClickPB.

Adriano Trajano (PCO)

A equipe do candidato ainda não enviou a agenda oficial ao ClickPB.

João Azevêdo (PSB)

Manhã

– Agenda administrativa

Tarde

– Reunião com coordenação de campanha

Noite

– 19h00 – Inauguração do Comitê Estadual em João Pessoa

Local: Avenida Presidente Epitácio Pessoa, 147

Major Fabio (PRTB)

– Manhã: Realiza gravação de conteúdo para plataformas digitais.
– Tarde: Concede entrevista na Rádio Pop FM às 13h
– Noite: Reunião com Coordenação de campanha

Nascimento (PSTU) 

A equipe do candidato ainda não enviou a agenda oficial ao ClickPB.

Nilvan Ferreira (PL)

A equipe do candidato ainda não enviou a agenda oficial ao ClickPB.

Pedro Cunha Lima (PSDB)

Manhã:
• Sabatina Rádio Tabajara

Tarde:
• Almoço com Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS) e Associação de Supermercados da Paraíba (ASPB)
• Gravação de guia eleitoral
• Caminhada em João Pessoa

Noite:
• Reunião com equipe de campanha

Veneziano (MDB)

– Manhã: Realiza gravação de conteúdo para plataformas digitais.
– Tarde: Concede entrevista na Rádio Pop FM às 13h
– Noite: Reunião com Coordenação de campanha

O prefeito de São João do Rio do Peixe, Luiz Claudino (Progressistas), desmentiu notícias plantadas hoje na imprensa, de que iria aderir à candidatura de Veneziano Vital (MDB) e reforçou seu apoio à reeleição do gestor estadual, após encontro na noite desta quarta-feira (17), com o governador João Azevêdo (PSB).

Após a reunião, Luiz Claudino, que veio acompanhado do deputado Wilson Santiago (Republicanos), afirmou que teve a oportunidade de reafirmar seu alinhamento com João Azevêdo para o pleito eleitoral deste ano. “É sempre uma alegria estar com o governador para demonstrar o meu compromisso com ele e o dele com São João do Rio do Peixe. Vamos continuar nessa parceria porque o nosso município só tem ganhado com essa união, somos parceiros e vamos estar juntos até a vitória”, comentou.

 

Ele também evidenciou uma série de ações do governo do estado em São João do Rio do Peixe. “Temos construção de creche, de ginásio, reforma e ampliação de escolas, travessias urbanas e vamos licitar agora as obras do distrito de Gravatá a BR-230 e do distrito de Bandarra a José de Paiva Gadelha, trazendo desenvolvimento e melhorando a infraestrutura do nosso município”, acrescentou.

 

O deputado federal e candidato à reeleição Wilson Santiago (Republicanos) acompanhou a reunião.

A prefeitura de Sumé lança neste mês de Agosto o Projeto de Integração Econômica Municipal (PIEM), com o objetivo de promover ações que atinjam a competitividade no mercado a partir de um processo de inovação e desenvolvimento, focando agregar valor aos negócios e tornar Sumé uma cidade empreendedora.

O PIEM Sumé envolve os espaços e investimentos públicos e as organizações privadas para a análise e o fortalecimento da economia local.

Para o prefeito, “esse é um novo passo na nossa gestão que busca o avanço e o desenvolvimento projetado da nossa cidade integrando a economia local e aquecendo ainda mais o mercado consumidor interno”, disse Éden.

O tema da campanha inicial é “Eu escolho Sumé” e convida as pessoas a refletir sobre “Porque comprar em Sumé e “O que seria de Sumé sem você”.

O Projeto de Integração Econômica Municipal será executado em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e envolve um plano de marketing para o comércio de Sumé, valorizando os empresários locais e conscientizando para a compra na própria cidade.

Com o tema “Violência contra Mulher não tem desculpa”, a Prefeitura de Ouro Velho, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social, através do Centro de Referência Assistência Social (Cras), Secretaria Municipal e Estadual de Educação, realizou nesta terça-feira (16), a caminhada do “Agosto Lilás”, que traz a temática do enfrentamento à violência contra mulher.

A concentração da caminhada foi na Escola Municipal Jacinto Dantas. De lá, os participantes saíram em direção ao Centro. Durante o trajeto, as mulheres carregavam faixas e cartazes, alertando e pedindo o fim da violência contra a mulher. A chegada foi na Praça Coronel Sérgio Dantas.

Logo após a caminhada foi realizada uma palestra, no enfrentamento a Violência contra a mulher, com Dr. Emerson Vasconcelos (Advogado), Silvana Mayer (Assistente Social), Ariana Fragoso (Assistente Social do Cras de Ouro Velho) e Eliciane Leite (Psicóloga do Cras de Ouro Velho). A palestra promovida pela a prefeitura de Ouro Velho, através da Secretaria de Assistência Social, foi realizada no CRAS.

Durante esse mês, será levando a mensagem do empoderamento feminino, mostrando para elas que não estão sozinhas e que devem dar fim na violência vivenciada, destacou a secretária Aline Lucena.

Estiveram presentes no evento, secretários, vereadores, funcionários e toda a população que acompanhou, sempre atenta aos questionamentos.

Depois de mais de dois anos, as máscaras deixarão de ser exigidas nos aviões e nos aeroportos. Por unanimidade, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou hoje (17) o fim da exigência do equipamento de proteção em voos no Brasil.

Apesar do fim da obrigatoriedade, as máscaras faciais e o distanciamento social continuarão a ser recomendados como medidas para minimizar o risco de transmissão da covid-19. A medida foi aprovada pelos cinco diretores da agência: Alex Machado Campos, que foi o relator; Daniel Pereira; Rômison Rodrigues Mota; Meiruze Sousa Freitas e Antonio Barra Torres, diretor-presidente da Anvisa.

Mesmo com o fim da obrigatoriedade das máscaras, uma série de protocolos em vigor desde o início da pandemia de covid-19 foi mantida. Os aeroportos e as companhias aéreas continuarão a cumprir as seguintes medidas:

•        disponibilização de álcool em gel
•        avisos sonoros com adaptações, recomendando o uso de máscaras, especialmente por pessoas vulneráveis
•        procedimentos de limpeza e desinfecção contínuas
•        sistemas de climatização
•        desembarque por fileiras

Em documento, a Anvisa informou que o cenário epidemiológico atual permite que algumas medidas sanitárias tomadas em 2020 sejam atualizadas, como o uso obrigatório das máscaras. “Diante do atual cenário, o uso de máscaras, adotado até então como medida de saúde coletiva, é convertido em medida de proteção individual”, destacou a Anvisa.

A máscara nos terminais aéreos e nos aviões deixou de ser exigida em diversos países, como os Estados Unidos, a França, o Reino Unido e Portugal.

Em maio, a Anvisa liberou o serviço de bordo e autorizou o uso da capacidade máxima de passageiros nos aviões, mas manteve o uso de máscaras em aviões e áreas restritas de aeroportos.

As medidas entram em vigor assim que forem publicadas no Diário Oficial da União.

Com 690 pedidos de registro de candidatura para Câmara Federal e Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), seria inevitável que nomes inusitados, para dizer o mínimo, aparecessem no pedido para estar nas urnas no dia 2 de outubro.

De acordo com levantamento feito pelo Blog Pleno Poder, do Jornal da Paraíba, nomes como ‘Boca’, da Rede Sustentabilidade; ‘Barata’, do Progressistas; ‘Zoião da Paraíba’, do PSB; ‘Raphael Tchutchuca’, do PL; e ‘Galega do ‘Povo’, filiada ao Solidariedade vão disputar uma vaga de deputado em Brasília.

Já em busca de uma vaga na Casa de Epitácio Pessoa, concorrem nomes ‘Comendador’, do MDB; ‘Ismael Carneiro o Homem do Pão’, filiado ao PC do B; o candidato ‘Legal’, do PT e ‘Meu Bichinho’, do partido Solidariedade.

Imaginem pelo Brasil afora quantos outros candidatos com nomes esquisitos não têm por aí. Lembrando que no registro da candidatura, cada político pode escolher o nome que quiser para aparecer nas urnas, sem a obrigação de ser seu nome de registro.

Mais Lidas do dia